Ilustração de campimetria computadorizada

A CAMPIMETRIA COMPUTADORIZADA quantifica a área espacial percebida pelo olho e detecta alterações no campo de visão que, na maioria das vezes, são imperceptíveis ao paciente.

A CAMPIMETRIA COMPUTADORIZADA auxilia o médico a diagnosticar doenças de acordo com suas respostas aos estímulos, de acordo com o defeito de campo visual apresentado no exame, além de auxiliar no diagnóstico e acompanhamento da progressão do glaucoma, doenças que afetam o nervo óptico, retinopatias e doenças neurológicas.

CAMPIMETRIA COMPUTADORIZADA é realizada em uma sala com pouca luz. O paciente fica corretamente posicionado em frente a um aparelho que mostrará pontos de luz com várias intensidades em diversos lugares da cúpula. O paciente deverá acionar uma campainha em sua mão em resposta ao estímulo percebido. É muito importante que não haja movimentação ocular durante o exame. Para isso, o paciente verá uma luz de fixação dentro do aparelho.

O exame depende exclusivamente das respostas dadas pelo paciente. Ou seja, exige-se atenção durante o procedimento para que o exame fique o mais confiável possível.

INDICAÇÕES:

  • Diagnóstico de glaucoma
  • Acompanhamento (evolução) do glaucoma
  • Doenças da coróide (coroidite, tumores)
  • Doenças da retina (oclusões vasculares, degeneração macular senil, retinose pigmentar)
  • Doenças do nervo óptico (papiledema, papilite, intoxicação por metanol)
  • Alterações neurológicas (AVEs, tumores, TCEs)
  • Dor ocular
  • Intoxicação medicamentosa
  • Afecções exo-oftálmicas
  • Doenças endócrinas e metabólicas
  • Alterações do campo visual
  • Enxaqueca oftálmica

Para mais informações, consulte um de nossos oftalmologistas (87) 3862-8150. Consultas regulares evitam complicações.

INICIE A PESQUISA E PRESSIONE ENTER PARA PROCURAR